Dia do Trabalho: o que há de novo no mercado?

No contraponto dos 13 milhões de desempegados, é possível exaltar os quase 52 milhões de empreendedores no Brasil, um caminho para prosperar no mercado de trabalho

 

FEED-ADRIANA-ROXO02.png

O Dia do Trabalho (ou do Trabalhador) vem sendo comemorado em muitos países do mundo desde o século XIX, na data que marcou uma grande greve promovida pela classe operária, na luta por direitos. O movimento paralisou parques industriais na  Chicago de 1886. Houve forte repressão policial e uma sequência de eventos tensos nos dias seguintes. O 1º de Maio virou feriado, inclusive aqui no Brasil República e motivo de festas entre trabalhadores, fomentadas por centrais sindicais,  até hoje.

Em cada feriado, lembra-se da luta. Mas, se historicamente a classe trabalhadora brigou por melhores salários e condições de exercer a função, atualmente, a batalha de milhões é de conseguir inicialmente um emprego. Mais precisamente,  13 milhões de brasileiros, ainda fora do mercado de trabalho, buscam um espaço nesse “sol”, num índice anual que pode fechar 2019 acima de 12%, quando a média mundial é de 5%, de acordo com a Organização Internacional do Trabalho (OIT). 

Embora o cenário se apresente aparentemente negativo, existe uma outra vertente ativa, que também cresce como tendência inovadora e não está ligada apenas à necessidade de criar alternativa pela falta de uma vaga no mercado formal. O abrir o próprio negócio, o arriscar-se em mundos inicialmente desconhecidos, o encorajar-se a buscar um novo caminho, enfim, o Empreendedorismo se coloca como oportunidade real para um futuro promissor.

Um levantamento  feito em 49 países, e no Brasil,  coordenado pelo Instituto Brasileiro da Qualidade e Produtividade (IBQP), em parceria com o Sebrae, apontou o crescimento. Hoje, de cada cinco adultos, dois são empreendedores, e correspondem a quase 52 milhões de pessoas. Os jovens são em maior número. Porém, pessoas mais velhas até a terceira idade vêm despertando para essa nova possibilidade. Empreender por necessidade de sustento ainda significa o maior número de negócios com essa característica. Mas cresce também a quantidade de iniciativas postas em prática apenas por enxergar soluções e um bom nicho de mercado junto.

Ter criatividade, arrojo e espírito inovador estão entre as característica do empreendedor. E talvez nesse feriado, alguém assim esteja se fazendo a pergunta: como eu posso sair dos 13 milhões para me tornar um dos 52 milhões? Uma das respostas: Apostar em áreas que estão em alta, como agronegócio, saúde e cidades inteligentes, manter a visão no futuro para enxergar o que ninguém ainda enxergou, trilhar o conhecimento, perseverar… E sempre, sempre… Acreditar em você!

 

Páscoa: um motivo para não desistir

Além de exemplo do amor maior pela humanidade, Jesus é apontado como grande líder, modelo de gestão de emoções e de pessoas para transformar o mundo

AP-Páscoa.png

Sobre sobre a Páscoa, que dizer? Sobre esses dias “santos”, como refletir?  Se você busca além do bacalhau na mesa e troca de ovos de chocolate, mas talvez não siga uma crença religiosa, não importa… Esse pode ser o momento de voltar a consciência para dentro de si e se auto questionar: como o melhor exemplo de amor do mundo – de Jesus crucificado, morto pela humanidade – pode me transformar? 

Que Deus enviou seu filho à Terra para salvar a humanidade do pecado, de satanás e da morte nas trevas, por meio de seu sangue puro, depois da morte na cruz , todo cristão crê. Mas a visão sobre Jesus Cristo também pode ser ampliada, além do exemplo de amor. Em sua missão na Terra, muitos estudiosos apontam Jesus como o maior líder que já existiu e pode ser seguido nos dias de hoje como modelo para controlar as próprias emoções, gerir pessoas, motivar e ser um agente transformador do seu próprio mundo.

“Um verdadeiro líder é aquele que administra as emoções”, sentencia Daniel Godri,  palestrante, ex professor de Marketing da PUC – PR, referindo-se a Jesus. O autor  lembra que o filho de Deus nasceu em local insalubre, teve uma infância difícil ao lado dos pais, na pobreza e fugindo de inimigos, e na vida adulta, teve apenas três anos para escolher e “treinar” sua equipe, até ser oprimido, perseguido e condenado à morte pelos poderosos da época.

Augusto Cury, um dos escritores mais populares da atualidade, vem estudando Jesus há anos. Sobre o Livro, “O homem mais inteligente da História” , Cury escreve no Prefácio: “Esperava, ao estudar a personalidade de Jesus, encontrar uma inteligência comum, pouco criativa, pouco analítica, pouco instigante, sem gestão da emoção, ou então um ‘herói’ mal construído por galileus. Entretanto, fiquei perplexo.”

Em sua jornada, Jesus vendeu sonhos, “não impunha, apenas propunha”,  e até hoje mantém seguidores fiéis pelo planeta. Que esse exemplo também remeta ao mundo tão intolerante de hoje, para que se conclua: É preciso aceitar diferenças, e reunir numa mesma mesa personalidades diversas, talvez resistentes, mas que podem ser lapidadas para transformar o mundo, junto com você.

Adriana Pontin e equipe lhe deseja boa Páscoa!

 

Hoje é Dia do Jornalismo!

Nessa data, equipe de Adriana Pontin lembra a essencial função do assessor de imprensa para empresas e outras organizações

AP-PATI.png

São várias datas diferentes para lembrar a importância do mesmo profissional: o Jornalista. 29 de janeiro é a mais citada nos calendários, mas o sete de abril no Brasil talvez seja de maior relevância. Instituída pela Associação Brasileira de Imprensa, em 1931, homenageia o médico e jornalista João Batista Líbero Badaró, assassinado por inimigos políticos, em 22 de novembro de 1830, em São Paulo. Depois da sua morte, um movimento popular  levou à abdicação de D. Pedro I, no dia 7 de abril de 1831.

A profissão de Jornalista, que tem na essência, a propagação de fatos, e no dom, a escrita e a fala, tornou-se popular do grande público como sinônimo de repórter, o que é um erro.  Repórter é uma das funções do Jornalista, assim como editor, pauteiro, redator… E uma das menos conhecidas do grande público tem grande importância dentro de organizações em geral – a de assessor de imprensa.

O papel desse profissional é ser a ponte entre uma empresa ou qualquer organização e os veículos de comunicação – Rádio, TV, Jornais, Portais, etc, gerando notícias positivas que possam ser veiculadas por esses veículos ou facilitando a comunicação entre esses dois elos, esclarecendo fatos ou marcando entrevistas nos casos em que as organizações são o alvo de algum acontecimento.

Um exemplo são as assessorias de imprensa de prefeituras,  diariamente nos noticiários locais, em diversas áreas, e nem sempre de forma positiva. O assessor é procurado por outros jornalistas ligados aos veículos de comunicação, para que ele agende entrevistas com o prefeito ou secretários municipais, que possam dar mais explicações a respeito de um assunto. De outro lado, a função também é orientar os assessorados (executivos, autoridades públicas, ou funcionários de uma empresa) sobre como devem se relacionar com a mídia. 

A assessoria de comunicação vai além, e conta com o Jornalista e uma equipe de  profissionais de marketing, publicidade e propaganda e relações públicas. Zela pela imagem positiva de um cliente e seus produtos e serviços, divulgando acontecimentos, apontando soluções para problemas , organizando eventos e  facilitando o relacionamento com mídia. Para uma empresa, contar com um profissional ou uma equipe dessa área, é uma estratégia com resultados bem sucedidos, de construção de uma boa imagem perante a opinião pública.

Nós, da equipe de Adriana Pontin Excelência Mkt & Eventos, contamos com esse rol de profissionais e atuamos em elaboração de estratégias com foco em resultados. E nesse dia sete de abril,  desejamos a todos os Jornalistas muito sucesso na jornada, que inclui também comprometimento e ética.

Dia Internacional dos MULHERAÇOs

No Mês da Mulher, fazemos uma grande homenagem aos Mulheraços, mostrando tantos perfis, tantas histórias, trajetórias distintas… Mas todas, grandes mulheres, com a força em comum, e que já participaram de nosso projeto MULHERAÇO – Elas Fazem e Acontecem! Acompanhe durante o mês e emocione-se!

8 março.png

Falar nas mulheres sem cair em velhos clichês, como “a força e a delicadeza feminina”, sem partir para bandeiras (legítimas) de lutas, conquistas e batalhas talvez ainda não alcançadas, mas sim optar por – simplesmente – falar de mulheres… Comuns e ao mesmo tempo especiais em suas vidas, nos laços familiares e de amizade que as cercam, nas relações profissionais e feitos de trabalho que permeiam cada rotina, cada sonho, cada projeto realizado… Contar sobre… Sem pretensão… Tudo isso é dar nome a cada uma delas…

Falar de mulheres com nome e sobrenome e sua ocupação, fazendo a diferença na sociedade em que vivem, é o objetivo da série que Adriana Pontin, da Excelência Mkt & Eventos e idealizadora do Mulheraço, inicia hoje, não como mera exposição de belas histórias, mas além disso: o bom exemplo de pessoas do sexo feminino, que estão por aí e podem ser espelhos de outro alguém. É a série PERFIL EMPREENDEDORA, pois no lar ou no ambiente profissional, mulher é empreendedora por natureza!

A partir deste 08 de Março – Dia Internacional da Mulher – uma série de Rafaelas, Sabrinas, Marlys, Marilzas, Hyleas, Andreas, Priscilas, Marias, Cristinas, Francianes, Karinas, Elizangelas, Renatas, Silvias, Daianes, Alines, Vanessas, Terezas, Anas, Alessandras, Elianas, Natashas, Andreias, Rossanas, Mércias, Marinas, Corinas estarão por aqui até o dia 30. Cada uma empresta a própria trajetória como inspiração… É nossa forma de homenagear tantas outras: Marisas, Adrianas, Fabianas, Patricias, Márcias, Melissas, Leilas, Julianas, Tatianas, infinitas delas… Sempre com uma boa história, que vale a pena contar…

Com carinho, para todas as mulheres e todos que convivem com as mulheres… Feliz Mês da Mulher!

Equipe Excelência Mkt & Eventos

Hoje é o Dia do Repórter

Curioso, corajoso, com sede de informações, e – com todo respeito – com grandes doses de “cara de pau”! Eis um repórter nato!

FEED-ADRIANA-004x.png

Aquele profissional da notícia, que vai até o local dos fatos, checa, confirma, pesquisa, resume e comunica com responsabilidade em diversos meios de comunicação. Essa função do jornalista muitas vezes é comparada a de um operário de uma obra, arquitetada e projetada nas Redações pela pauta, e colocada em prática pelo repórter in loco, para posterior “lapidação”  no trabalho do editor de volta à Redação.

Cabe ao repórter a missão de contar histórias, tristes ou alegres; e ainda de narrar fatos, feitos, eventos e a trajetória de empresas e personalidades, em pautas originadas pelo trabalho do assessor de imprensa.
Nós, que estamos deste lado, como agência de Marketing e Eventos, e de Assessoria de Imprensa, não poderíamos deixar de reconhecer a importância desse profissional, que age com ética e objetividade na elaboração de uma reportagem.
No Brasil, a data é comemorada em 16 de fevereiro e homenageia profissionais de jornais impressos, revistas, do rádio ou tv e ainda do jornalismo online. Nós, da Adriana Pontin Mkt & Eventos, nos juntamos ao coro dos que admiram a função nobre e apaixonante, sem dúvida, que perpetua uma promessa dos bancos universitários que deveria ser de todo cidadão: o eterno compromisso com a verdade.